COMO USAR O MAPA DO ANO PARA REALIZAR SUAS METAS

7/31/2018


Chegou o último dia julho e "Tempo", de Quintana, não sai da minha cabeça. Mas, gente, não foi ontem que estávamos guardando as taças de champanhe e abrindo nossos planners, agendas, decorando a primeira semana de janeiro no bujo? Como podemos já ter avançado um mês do segundo semestre?

Quando se vê, já são seis horas! Quando de vê, já é sexta-feira! Quando se vê, já é natal... Quando se vê, já terminou o ano...

Hoje estive procurando algumas anotações antigas no meu planner e acabei parando para olhar novamente as 8 metas que estabeleci para 2018. Foram 5 pessoais e 3 aqui pro blog e aproveito para contar que dessas oito apenas duas eu ainda não consegui por em prática, mas elas já estão planejadinhas para agosto. O que é mais legal nisso tudo é que as que foram referentes ao Missmoon consegui realizar to-das! Yeah!

Só que nem sempre foi assim. Há muitos anos venho elaborando metas e mais metas que não davam em nada, então dá pra entender o motivo de eu estar tão contente com uma coisa que é meio normal pra muita gente. De verdade, ver que consegui traçar maneiras para alcançar cada objetivo é algo incrível, principalmente pra mim que tô sempre arrumando um jeito de me autossabotar. 

Para ter algo que você nunca teve, é preciso fazer algo que você nunca fez

Sim, essa é a chave. Para se destacar em algo é preciso ser diferente e mais do que isso fazer diferente. No meu caso o que estabeleci de novo em 2018, foi ter feito o meu Mapa do Ano, seguindo certinho o que me foi proposto, pondo em prática cada conselho (contei tudo nesse post).

Com a chegada do segundo semestre muitos de nós refletimos sobre mudanças, sobre o que vem e o que não vem funcionando, para assim ajustar as velas e seguirmos no caminho certo. Porém, se por qualquer motivo você não se planejou lá no comecinho, procrastinou ou não teve meio de realizar algo, não se lamente. Há uma frase de Karen Lumb que gosto e ela diz o seguinte: daqui a um ano você vai desejar ter começado hoje

Então, nada de ficar reclamando que não tem mais tempo, que tudo é uma loucura... O que devemos ter em mente é que preciso adequar nossas possibilidades, pois somos nós os protagonistas das nossas vidas. Ou seja, as possibilidades estão nas nossas mãos. Assim, te convido retomar aquelas metas lá de janeiro – ou estabelecer novas – e utilizar o Mapa do Ano para que elas sejam realmente realizadas!

Sou prova de que essa ferramenta funciona e nos abre um leque de possibilidades. Com ela tive ajuda no redirecionamento da minha carreira; calculei datas de eventos importantes para fechar parcerias e tive orientação para superar obstáculos antigos que me impediam de progredir. Enfim, com o Mapa soube de maneira prática como dar o primeiro passo para alcançar os meus desejos. Como eu disse lá no finalzinho de 2017, temos aí um direcionamento e tanto! 

E se prepara que tem notícia boa! Entrei em contato com a equipe* e o Personare disponibilizou um cupom de desconto de 50% para os leitores aqui do blog que desejarem fazer o Mapa do Ano. Para ativar, basta clicar no link que eu vou deixar aqui embaixo, fazer o cadastro (caso não tenha) e aproveitar. 

Atenção: Essa é uma promo relâmpago e vale até o dia 10/08/18. Então, corre! Mas, não esquece de voltar pra me contar sua experiência, hein?


Super beijos! 


* Esse não é um post pago, ele se trata de uma parceria entre o Missmoon e o Personare


Você também pode gostar

11 comentários

  1. Olaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!
    Isso ajuda muito <3
    Temos de organizar tudo direitinho, coisa que não consigo ahahaha
    Beijokitaz




    www.devaneiosdemissl.com

    ResponderExcluir
  2. Achei bem legal a idéia do Mapa do Ano.
    Realmente o tempo é corrido.
    O ano tem passado tão rápido.
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Tô precisando disso ai, minha vida tá super bagunçada.

    ResponderExcluir
  4. Eu até me organizo, e crio metas, mas sempre dava errado, vou aderir a ideia.
    Beijos!


    http://blogcoisasdacarol.wordpress.com

    ResponderExcluir
  5. Como meu início de ano foi totalmente atípico, não consegui planejar grandes coisas mas agora no segundo semestre as coisas estão melhores encaminhadas.
    Nunca ouvi falar de Mapa da Ano mas achei bem interessante! bjs

    ResponderExcluir
  6. Adorei seu post, e é super verdade tudo o que você disse, afinal nós somos nossos piores inimigos, nós mesmos nos sabotamos e estragamos tudo. ; tem uma frase que gosto bastante que tem tudo a ver com isso "Só existe uma coisa no seu caminho para a perfeição, você mesmo!"

    http://coracaodepedrasqn.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Verdade! O ano passou voando... Metade das minhas metas não foram cumpridas preciso focar mais nisso. Nunca tinha ouvido falar em Mapa do Ano, mas gostei bastante da ideia!

    https://palavrasnocafe.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Já tentei criar metas e objetivos, mas todo ano fracasso! Achei incrível a ideia do mapa do ano, ainda mais porque nunca experimentei esse tipo de opção. Depois volto para dar meu feedback haha

    ResponderExcluir
  9. Eu adorei o seu post, achei a ideia muito incrível! Eu sou a pessoa mais desorganizada do mundo, no começo do ano criei algumas pequenas metas e acabei não dando muita atenção à elas, fui muito "deixando a vida me levar", vou ver se com essa sua técnica eu consigo me organizar melhor

    ResponderExcluir
  10. Eu acho isso tão bacana! Eu sempre tive muitas metas/objetivos, mas nunca tive o hábito de colocar elas no papel. Fiz isso com o projeto 101 coisas em 1001 dias e depois de concluir achei super legal ver o que eu consegui fazer, o que eu quis deixar pra trás, o que não consegui etc. Adorei a ideia do mapa do ano, parece ótimo!

    ResponderExcluir

É muito bom ter você por aqui! Não deixe de compartilhar sua opinião comigo! ❤